La casa de papel é talvez uma das melhores séries dos últimos anos. Há um mix de suspense, romance e até mesmo de drama, na história de uma trupe de renegados liderados pelo genial filho de um assaltante de bancos, fã de uma revolução anti-sistema com pitadas de resistência italiana. Durante toda a série vemos um plano genial e somos presos pelas personalidades cativantes de cada um dos membros da gangue do Dali. Nossos anti-heróis com codinomes de capitais demonstram ao longo da série diversas lições de estratégia, táticas de guerra e administração, além é claro de serem Prós na arte de gerenciamento de projetos.

Sem entrar no mérito de certo ou errado, abaixo você encontra 5 lições que você pode aprender assistindo à trupe do Professor.

gerenciamento

Lição número 1: Planejar é preciso.

Todo gerente de projeto deve planejar com antecedência o que será entregue no projeto, cuidar do gerenciamento de riscos (como uma resposta antecipada à invasão), garantir a qualidade do que será entregue (como cédulas não marcadas) e até mesmo

planejar uma comunicação eficaz, como a mensagem clara dada ao povo espanhol, são fundamentais para um bom desempenho do projeto.

Lição número 2: Se ater sempre ao que é planejado, é burrice.

Se tem algo que o mundo ágil nos ensinou é que se ater ao plano sem considerar as cartas jogadas sobre a mesa pelo imprevisto, é mera perda de tempo. Assim não hesite em pegar uma moto e voltar direto para os braços do amado…

gerenciamento

Lição número 3: Trabalhe com MVP’s

Mais importante do que ter uma equipe engajada e um plano fantástico, é garantir um Mínimo Produto Viável- MVP, isso te permite quebrar a entrega do projeto em pequenas entregas que já agreguem valor ao(s) seu(s) cliente(S). Na série vemos o professor primeiro preocupado em colocar o time em campo, depois em demonstrar que o movimento é pacifico, depois ele consegue ainda colocar o grupo como uma resistência, e por fim dá sua cartada final no sistema espanhol. Cada ponto é uma entrega de sua mensagem e ataque claro ao sistema governamental.

Lição número 4: Fatores ambientais são seu melhor aliado.

No mundo de gerenciamento de projetos uma das premissas que mais são avaliadas antes de se iniciar um projeto, ou mesmo enquanto se gerencia um, são os fatores ambientais no qual o projeto está inserido, que podemos entender como fatores que surgem fora do projeto ou organização, e que podem influencia-lo de forma positiva ou negativa. Durante a série a equipe utiliza dos fatores ambientais como gasolina para seu ataque, hora contando com o o renome de uma detetive de prestígio, hora contando com a estrutura verticalizada da corporação, ou os valores dos membros da casa da moeda e as expectativas que se criam em torno de um ataque como aquele.

Lição número 5: Mantenha o time unido.

Em qualquer projeto é fundamental uma equipe colaborativa, de alto desempenho. E os fatores cruciais para manter esse desempenho são: transparência (perceba que sempre que algo deu errado foi por falta dela), autonomia (os membros devem ter autonomia para decidir qual a melhor forma de executar seu trabalho) e noção multidisciplinar, assim é importante que todos no time possam ajudar uns aos outros a cobrir eventuais casualidades, afinal nada melhor do que alguém para te dar cobertura.

E você o que aprendeu assistindo?

Autora: Raphael Costa, Consultor de Excelência Operacional na VerumPartners.

A Verum Partners tem larga experiência em implantação de Lean, BIM, Cultura Ágil, e metodologia AWP como a base para o gerenciamento de seus projetos, explorando a capacidade dessa metodologia de abranger todas as áreas de conhecimento e níveis de gerenciamento, sendo base para a integração entre engenharia, suprimentos, construção e comissionamento.
Temos os melhores profissionais do mercado. Somos parceiros de verdade na alavancagem dos seus negócios!
Entre em contato com a gente e agende uma apresentação!